Direito para startups

Segurança jurídica na pré-constituição, na operação e lançamento do novo empreendimento, podendo ser determinante para o sucesso do negócio.


Saiba mais
As ações para as STARTUPS compreendem, entre outras:
Elaboração de memorando de entendimentos de pré-constituição.
Elaboração de acordos de investimentos, acordos de sócios ou acionistas.
Elaboração de opções de compra e/ou venda de quotas sociais ou ações.
Auxiliar no relacionamento com investidores e fundos de investimento.